Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

O que fazer quando não conseguimos nos adaptar às mudanças?

Publicado por:
08 ago

01.4 1

Viver significa aprender a conviver e lidar com várias mudanças, já que muitas delas acontecem quer a gente queira ou não. As tecnologias avançam, o comportamento das pessoas, da sociedade e também das empresas mudam. E quando você faz parte de uma organização, é preciso compreender os movimentos de mudança e buscar acompanhá-los, do contrário, você corre o risco de ficar para trás.

Muitas mudanças vão acontecer independentes da sua vontade, e, assim como as empresas, o profissional também precisará fazer ajustes na sua forma de atuação. Pode ser necessário mudar os processos operacionais, o tipo de produto ou serviço, ou ainda a forma de se relacionar com todos os envolvidos.

Portanto, para aqueles que têm mais dificuldade em aceitar o novo, a melhor recomendação é: “baixar a guarda” e acolher as mudanças da melhor forma possível. Nestas horas, a reação contrária ao movimento de mudança pode significar um risco, e acreditar somente que sua competência será suficiente para assegurar seu lugar no futuro pode ser um erro.

É importante também refletir sobre o motivo que o está levando a tanta resistência. No fim das contas, pode ser apenas medo ou insegurança. Muitas pessoas resistem, em síntese, porque ficam inseguras e com receio de não dar “conta do recado” no novo momento, já que estavam acostumadas a terem um bom desempenho antes da mudança acontecer. Esses sentimentos são legítimos, porém superáveis, principalmente quando se tem o apoio do próprio grupo.

E para quem está na função de gestão, é sempre importante entender que resistir é o movimento mais natural e que a melhor maneira de ajudar o profissional é tentar compreender quais são os seus receios e apoiá-lo no novo caminho. Não desista antes mesmo de tentar, afinal, todo mundo merece um voto de confiança.

Comentários

Deixe o seu comentário