Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

Frustração com a própria carreira. Como evitar?

Publicado por:
08 nov

7.2 estagio 1

Sou jovem e inteligente, mas me sinto frustrado com minha carreira e acredito que poderia ser mais bem sucedido. Como reverter essa situação?

Antes de tudo, é essencial diminuir o grau de idealização em relação a si mesmo, principalmente ponderando as comparações com outros profissionais. É comum entre os jovens, principalmente desta geração, a busca acelerada por resultados expressivos ainda muito cedo e a pouca paciência com o processo de desenvolvimento da carreira. Fazer um grande sucesso, ter uma ideia brilhante ou ficar rico ainda muito jovem não deve ser considerado a “regra geral” e sim, exceção.

Ao mesmo tempo, se há frustração em relação à trajetória profissional, cabe refletir se o investimento realizado em torno da carreira é realmente suficiente ou se está deixando passar boas oportunidades de incremento profissional.

Parar um pouco para avaliar a própria trajetória no mercado de trabalho possibilita entender o que já foi feito de relevante e identificar os pontos críticos que precisam ser revistos. Para ter certeza se, de fato, está investindo na busca de um diferencial competitivo, tente responder: quantos livros você leu no último ano que estejam relacionados à sua atividade de trabalho, quantos cursos, congressos, palestras ou workshops você participou no intuito de ampliar o conhecimento, em quantos deles você se ofereceu para apresentar um projeto seu, quantas vezes buscou outras empresas para trocar conhecimentos e fazer benchmarking?

É preciso, portanto, não ficar refém da frustração e ter iniciativa para fazer acontecer o que é preciso para marcar a diferença. Entender o que está acontecendo pode ser o primeiro passo para dar uma guinada na carreira.

Comentários

Deixe o seu comentário