Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

Quais os ganhos com a redução da jornada de trabalho?

Publicado por:
26 jul

01.3 1

Muitas empresas estão reduzindo a jornada de trabalho de seus empregados como forma de cortar custos sem realizar demissões. Mas o que o profissional pode ganhar com essa prática?

Neste momento de crise, que tem acarretado em grande diminuição da demanda – especialmente no setor industrial – muitas empresas têm usado como alternativa a redução da jornada de trabalho. Isso pode ser angustiante para o profissional, pois implica também na queda de receita e medo de perder o emprego, caso a situação não se altere.

Entretanto, é preciso não se desesperar e pensar que toda situação de crise pode trazer ganhos. Com o quadro reduzido, o profissional pode aproveitar o momento para aprender mais, já que existe a possibilidade de ser demandado para outras atividades. Além disso, o momento pode se tornar uma oportunidade para mostrar resultados e comprometimento com a empresa.

Mas quando a redução de demanda acontece no setor de varejo, o impacto é imediato e pode resultar na perda do posto de trabalho. O que fazer nesse momento? Uma estratégia pode ser atuar mais ativamente no pós-venda, mantendo contato com seus clientes e informando sobre promoções. Além disso, há segmentos onde é possível usar as horas livres para estudar produtos novos e se atualizar sobre a área.

Já no setor de serviços, pode ser um momento para buscar inovação, tanto no que já é oferecido aos clientes quanto na oferta de novos produtos. E se não for possível aumentar a carteira de clientes, pode-se aprimorar a prestação de serviços para os clientes atuais, procurando entender suas necessidades e ajudando a encontrar alternativas viáveis para eles. Lembre-se que todas as empresas estão em busca de soluções para os mesmos problemas: caixa apertado e redução de demanda. E você pode se tornar essencial na busca por alternativas.

Comentários

Deixe o seu comentário