Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

A “Síndrome da Pós-graduação”

Publicado por:
19 ago

02.1

Segundo o acadêmico Henry Mintzberg, autor de diversos livros na área de administração, “o gerenciamento é uma prática que deve mesclar uma boa quantidade de habilidade (experiência) com quantidade de arte (insight) e alguma ciência (análise)”. Mas o que ele quer dizer com isso?

Significa dizer que a formação de gestores hábeis e competentes não pode ficar restrita apenas à sala de aula. Muito embora as teorias da administração e da gestão de negócios sejam importantes, é nas atividades do dia a dia que o gestor constrói suas habilidades em lidar com as situações da gestão.

Portanto, ao procurar um MBA, por exemplo, o profissional deve analisar se a formação ofertada poderá ser colocada em prática na empresa onde trabalha ou até mesmo ajudá-lo a encaminhar melhor as situações já vivenciadas. Acreditar que, sem experiência e com muitos diplomas, a competência em gestão está construída é ledo engano.

E esse equívoco é cometido por muitos jovens profissionais cheios de teorias que chegam às organizações acreditando que esse saber garantirá seus resultados. Aproveitar a sala de aula é fundamental, mas associar esse conhecimento com as oportunidades de colocá-lo em prática é mais importante ainda. Afinal, é preciso mesclar análise, insight e experiência.

Comentários

Deixe o seu comentário