Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

Período de férias escolares exige planejamento

Publicado por:
18 dez

05.2

Um dilema que afeta a produtividade das empresas é a falta de organização dos profissionais quanto às férias escolares de seus filhos. Muitas vezes, o empregado precisa interromper a sua jornada de trabalho para resolver questões ligadas à nova rotina da criança – um problema que pode ser contornado com um pouco de planejamento.

Diferente de uma eventualidade, como uma doença ou emergência familiar, de forma geral, os pais são comunicados desde o início do ano sobre os períodos de férias e de recessos dos filhos. Isso significa que não há razão para não tentar programar atividades ou mesmo encontrar alguém que possam cuidar dos pequenos nesse período.

Como esse é um momento de lazer e descanso para as crianças, é importante entretê-las com passeios, colônias de férias, programas em clubes e atividades afins. Por isso, mantenha-se informado, ao longo do ano, e principalmente perto das férias, para saber onde e quando essas atividades vão acontecer. Escolha aquelas que estejam alinhadas ao seu horário de trabalho.

As experiências positivas são várias. Existem relatos de grupos de pais que fazem atividades revezadas, nas quais um pai, uma mãe ou um casal fica responsável pelas atividades de um grupo de crianças naquele dia, enquanto outros pais trabalham. O mesmo já acontece em alguns condomínios e em grupos de vizinhos que programam coletivamente as atividades recreativas.

E lembre-se: é importante se cercar de uma rede de apoio responsável e de confiança. Do contrário, ao invés de arranjar uma solução, o profissional pode acabar com outro problema e mais dor de cabeça, o que vai refletir diretamente no seu desempenho e produtividade no trabalho.

Comentários

Deixe o seu comentário