Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

Seja protagonista da sua própria carreira

Publicado por:
11 out

04.0 desenvolv

Não é difícil encontrarmos jovens profissionais desmotivados e que ficam buscando culpados para seus erros e fracassos, assim como razões para não correr atrás de novas oportunidades. Seriam mesmo essas as atitudes de quem quer ter sucesso na carreira? Associar o que não deu certo ao acaso ou a fatores externos ao invés de focar a reflexão nas próprias ações e nos resultados delas é a melhor estratégia?

Diante de um mercado cada vez mais competitivo, aqueles que assumem uma postura passiva diante da própria carreira e esperam as oportunidades “caíram do céu” só irão trazer prejuízos para si mesmos. Por isso, mais do que nunca, a autocrítica é essencial. É preciso parar e analisar o que está acontecendo, entender a razão da passividade e desmotivação, bem como os motivos para tantos erros e fracassos.

Alguns questionamentos são importantes. Pergunte-se: será mesmo que tenho visibilidade do que eu quero para a minha vida profissional e do que preciso fazer para chegar até lá? Será que as escolhas que estou fazendo estão alinhadas com o meu projeto profissional? Os resultados colhidos até agora atendem às minhas expectativas? Estou refletindo sobre as dificuldades encontradas e transformando-as em desafios e oportunidades de melhoria? Diante das frustrações e impossibilidades, costumo tentar novamente e buscar alternativas? Costumo refletir sobre as minhas necessidades de aperfeiçoamento para chegar aonde quero?

Para ter uma carreira profissional de sucesso é preciso definir aonde se quer chegar, identificar as competências que já tem e as que ainda precisa desenvolver, planejar sua trajetória e definir um plano de ação para chegar lá. E insistir e persistir. Não adianta mais esperar que as oportunidades apareçam, é preciso buscá-las ou até mesmo criá-las!

É claro que nem todo mundo se depara com situações totalmente favoráveis, mas todos são capazes de mudar a própria realidade, seja ela qual for. É uma questão de aceitar ser vítima das circunstâncias ou ser protagonista da sua vida e, a partir disso, ir em busca de seus sonhos e realizações.

Comentários

Deixe o seu comentário