Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

Gestão de pessoas vai além do RH

Publicado por:
08 mai

10.0lideranca

Não é incomum nos depararmos com a ideia de que a gestão de pessoas é uma responsabilidade exclusiva da área de Recursos Humanos. No entanto, os principais responsáveis por cuidar das pessoas numa organização são os seus gestores. O RH entra nessa história para ajudar os gestores de pessoas no desafio de lidar com gente, produzir resultados e promover um bom ambiente de trabalho.

O RH tem um importante papel de assessorar os gestores no uso de ferramentas eficazes na gestão e no desenvolvimento de suas equipes, mas cuidar das pessoas é tarefa indelegável do gestor. É ele o responsável, por exemplo, por administrar os conflitos do dia a dia e por desenvolver, engajar e motivar suas equipes. Porém, ainda é uma visão distorcida para muitos gestores que transferem tarefas relacionadas à gestão de pessoas para a área de RH, principalmente aquelas tidas como incômodas ou difíceis de lidar.

Muitos deles podem pensar da seguinte maneira: “Promover ou comunicar um aumento de salário é comigo mesmo! Agora resolver conflitos, comunicar uma demissão e selecionar pessoas é lá com o RH”. Entretanto, é preciso atentar que, agindo assim, o gestor pode passar a imagem de um profissional que se esquiva das próprias responsabilidades, enfraquecendo sua liderança e confiança perante a equipe.

A prática tem mostrado que uma boa gestão de RH acontece quando o RH e os gestores de pessoas trabalham em parceria, estabelecendo políticas e procedimentos, desenvolvendo treinamentos e selecionando profissionais, discutindo soluções para situações difíceis, tudo isso sem perder o foco no que é importante para a organização e para as pessoas. Esse parece ser um caminho sem volta para as empresas que desejam chegar ao futuro em condições competitivas.

Comentários

Deixe o seu comentário