Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

Antes de se queixar é preciso orientar

Publicado por:
17 dez

10.0lideranca

É comum ver gestores se queixando de que a equipe não está rendendo, que não entrega projetos no prazo ou que não tem compromisso. Mas, antes de se queixar, será que não vale a pena fazer uma autorreflexão sobre o investimento que vem fazendo do desenvolvimento da equipe?

Entre todas as demandas do dia, o gestor pode acabar esquecendo que uma das suas principais tarefas como líder é, justamente, orientar quem está sob sua direção, separando uma parte do seu tempo para acompanhar e corrigir a equipe. Quando não há orientação, abre-se espaço para uma séria de dúvidas e informações mal esclarecidas, o que, invariavelmente, vai levar às falhas.

Um dos cuidados que o gestor deve ter, então, é manter a porta aberta para perguntas. Estar disposto a ouvir com atenção, ponderar e colocar-se no lugar do outro fará com que o profissional se sinta acolhido. Mesmo que os questionamentos que ele tem pareçam óbvios, é importante lembrar que o óbvio para o gestor pode não ser o óbvio para a equipe.

Outro cuidado que pode partir do líder a monitoração sistemática. É fundamental que a pessoa que está coordenando outras, acompanhe o que está sendo realizado de perto, procurando saber se a equipe está entendendo a demanda e os processos e corrigindo rumos a tempo.

Dar feedback constante também é importante, pois situa o profissional sobre o seu desempenho e faz com que a equipe saiba se está no caminho certo, além de motiva-la a continuar com o bom trabalho.
Além disso, o líder que deseja ter suas orientações seguidas é aquele que participa do trabalho, assim como os profissionais. Entender o que está sendo executado é uma forma de transmitir confiança e dar referencial a equipe, mostrando que não apenas “joga” o trabalho em cima deles.

Da parte do profissional, perguntar sempre que tiver dúvidas, esclarecer prazos e resultados esperados e cuidar do padrão de qualidade do que produz é fundamental. Uma postura proativa frente ao seu desempenho é tão importante quanto a orientação adequada do trabalho.

Comentários

Deixe o seu comentário