Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

Convites profissionais nos finais de semana. Como lidar com eles?

Publicado por:
04 nov

7.0estagio trainee

Recebi um convite da minha empresa para uma atividade no final de semana. Se eu já tiver um compromisso previamente marcado, como posso lidar com essa situação? Sou obrigado a ir?

Uma situação possível no mundo corporativo é a empresa convidar a equipe para atividades no final de semana. Treinamentos, atualizações, confraternizações e outros eventos podem ser realizados nos sábados ou domingos a fim de não diminuir a produtividade durante os dias úteis e criar um momento diferenciado para o desenvolvimento e/ou a vivência profissional.

Entretanto, alguns ainda consideram o trabalho nos dias de descanso como um tabu. Essas pessoas cometem erros como faltar ao encontro e depois apenas justificar, inventar mentiras para faltar à reunião e acreditar que, por ser um fim de semana, podem deixar de comparecer sem problemas.

Se a empresa faz um investimento no profissional é porque ela enxerga, potencialmente, uma oportunidade de crescimento e espera o retorno por parte dele. Mesmo que o evento seja festivo, como comemorações de resultados, é importante não declinar, pois, ainda assim, é uma atividade do trabalho. Além disso, a demonstração de comprometimento e envolvimento nessas situações pode gerar pontos a mais para o empregado.

Todavia, é possível faltar. Recomenda-se, contudo, que o motivo seja justo e inadiável. Compromissos familiares como casamentos, aniversários do (a) cônjuge e batizados são justificativas adequadas, por exemplo, bem como motivos de saúde.
É importante conversar antecipadamente com o gestor se realmente não for possível comparecer ao compromisso profissional no fim de semana. Justificar a falta explicando os motivos e negociando soluções é, no mínimo, sinal de consideração e evita maiores prejuízos para o empregado.

Comentários

Deixe o seu comentário