Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

Resistência aos profissionais recém-promovidos pode ser evitada

Publicado por:
07 nov

03.111

Fui promovido recentemente, mas alguns colegas de equipe não receberam bem a minha promoção, já que agora estou em uma posição diferente da deles. Como devo lidar com esta situação?

Competição e disputa são movimentos naturais do ser humano. As pessoas têm o desejo de crescer, de se destacar em suas posições. A ambição faz parte da vida e pode ser algo saudável, do contrário, ficaríamos estagnados. Porém, no ambiente de trabalho, muitas vezes a promoção de um colega pode gerar um mal-estar naqueles que “ficaram para trás”.

E as reações podem ser sentidas nas atitudes, muitas vezes até involuntárias, mas que também podem acontecer de forma pensada. Resistência à nova hierarquia, boicotes às iniciativas e desmotivação com o trabalho são algumas delas. A empresa precisa ficar atenta a essas situações, orientar e dar o suporte ao novo líder para evitar que esses conflitos afetem o clima organizacional e a produtividade.

Os cuidados já devem começar desde o anúncio da promoção. A empresa precisa deixar claro os critérios que foram considerados e demonstrar firmeza na sua decisão. É necessário que o novo líder seja legitimado diante da equipe e o seu novo papel na organização explicitado. Além disso, é importante pactuar as expectativas e os resultados esperados com o profissional promovido, bem como as atitudes desejadas e os cuidados para que a mudança seja bem sucedida.

Já o profissional precisa ter atitudes e iniciativas que favoreçam a receptividade dos colegas. Jamais deve reagir na mesma moeda aos comportamentos negativos, mas ter firmeza e persistir na sua nova posição. Agir com naturalidade, sem supervalorizar os novos desafios nem assumir um ar de superioridade, ajuda e muito. É claro que a promoção e mudança de cargo vai exigir um certo distanciamento e isolamento, mas abusar da posição de maior poder só irá dificultar o processo de aceitação.

Comentários

Deixe o seu comentário