Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

O autoconhecimento no exercício da gestão

Publicado por:
09 jul

01.111 (2)

Autoconhecimento significa o conhecimento do indivíduo sobre si mesmo. É saber o que se é, o que realmente se busca, quais suas características positivas e quais precisam ser aperfeiçoadas, é conhecer efetivamente o que o faz agir de determinada forma. Tanto no âmbito pessoal quanto no profissional, o autoconhecimento tem sido tema de debates constantes e é considerado, atualmente, fator essencial para o desenvolvimento, principalmente para quem atua em cargos de liderança.

Culturalmente, nós não somos ensinados a olhar para nós mesmos, por isso estamos sempre mais preocupados em observar e avaliar o outro. Porém, no exercício da gestão, é só através do autoconhecimento que vem a confiança necessária para liderar e buscar resultados. Isso porque, antes de gerir alguém, é necessário que o gestor lidere a si mesmo, conheça suas emoções, padrões de comportamento e o que o leva a ter determinadas atitudes.

Além de ajudá-lo no seu aprimoramento como pessoa e como profissional, o autoconhecimento também é importante para a construção de vínculos e de laços fortes com seus liderados, que precisam ver, no líder, um exemplo. No fim das contas, autoconhecimento é basicamente estar sempre em busca da sua melhor versão, reconhecendo seus sentimentos e gatilhos emocionais e sabendo como controlá-los.

Por ser um processo de construção contínuo, já que estamos sempre mudando, não é um caminho fácil, mas é necessário. É fato que nunca vamos conseguir ter consciência plena de nós mesmos, mas quanto mais nos conhecermos, mais domínio teremos do nosso comportamento, facilitando os relacionamentos interpessoais e as tomadas de decisão.

Comentários

Deixe o seu comentário