Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

Como lidar com um profissional “sabe-tudo”

Publicado por:
22 jan

9.51 (1)

Sou gestor e tenho na minha equipe um profissional que se acha o “sabe-tudo”. Ele não reconhece seus erros, está sempre na defensiva e não aceita opiniões contrárias às suas. Como lidar com esse tipo de comportamento?

Trabalhar com um profissional que presume saber demais e costuma adotar uma postura arrogante é bastante exigente. Em geral, são pessoas que não consideram o que o outro fala, têm certeza que domina os assuntos em discussão e, portanto, não precisam de treinamentos ou de melhorias. Além de levar o indivíduo a prejudicar a si mesmo, essa personalidade do sabe-tudo pode ser extremamente prejudicial para o clima organizacional, estimulando as disputas e os conflitos na equipe.

É papel do gestor ficar atento a esse tipo de comportamento, que não deve ser tolerado no ambiente de trabalho. Ao perceber essa atitude, é essencial chamar o profissional para uma conversa em particular para fazer recomendações e pactuar o que pode e o que não pode ser feito. Certifique-se que ele está consciente que essa atitude tem um impacto negativo na imagem, na carreira e no grupo como um todo. O importante é provocar no outro uma motivação para analisar sua atitude, contribuindo no processo de mudança.

Se a reação à conversa não for positiva e o comportamento continuar o mesmo, é possível que decisões mais radicais precisem ser tomadas. Afinal, por mais competente tecnicamente que o profissional seja, os danos que esse comportamento pode causar à equipe e ao clima organizacional fazem com que não valha a pena mantê-lo por perto.

Comentários

Deixe o seu comentário