Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

Até onde vai a responsabilidade do gestor?

Publicado por:
17 set

10.0lideranca

Muitas vezes, no dia a dia gerencial, os gestores têm atribuições ou problemas que, para serem resolvidos, dependem da ação ou retorno de outros setores. Porém, é comum encontrarmos gerentes que se abstém da responsabilidade e assumem uma postura de “não é comigo”, o que é um erro.

No geral, aqueles que se comportam assim, só se queixam e não focam em buscar soluções efetivas. Porém, vale sempre lembrar que, no âmbito profissional, o resultado final é o que importa, e quem fica de braços cruzados esperando a ação de outras pessoas estará constantemente sob o risco de não desenvolver seus projetos ou se destacar em sua função.

Então, se você não conseguiu resolver a situação por um caminho, tente outras possibilidades. Seja proativo e persuasivo, busque alternativas práticas para resolver suas pendências, mobilize as pessoas para que elas também atuem com foco nas soluções.

A responsabilidade pelos resultados vai muito além de até onde o projeto impacta em você. Por isso, crie condições para que as coisas aconteçam, mesmo se não forem da sua alçada direta. Afinal, adotar a postura de ficar sentado só se queixando, dificilmente vai resolver alguma coisa.

Comentários

Deixe o seu comentário