Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

O papel do gestor na produtividade das equipes

Publicado por:
03 set

03.41

Melhorar ou manter a produtividade tem sido uma preocupação constante das empresas no mercado atual. E, para ser produtivo, satisfação e motivação das equipes é condição sine qua non.

Se antes, apenas oferecer um bom salário e alguns benefícios era sinônimo de ter profissionais engajados, hoje o cenário é bem diferente. É preciso que as organizações tenham gestores dispostos a investir tempo para promover a motivação das equipes no trabalho e, consequentemente, elevar a produtividade.

Neste caminho do ganho de produtividade, muito se fala da importância de capacitar os empregados, proporcionando cursos, especializações, etc. Isso é importante sim. E num cenário de recessão e cortes de investimentos, há iniciativas alternativas com custos muito baixos e efeitos bem positivos no desempenho das equipes, como as visitas técnicas de imersão, por exemplo, ou o incentivo à discussão periódica de casos e leituras relevantes para a área, que promovem o debate, a troca de ideias e conhecimentos.

No entanto, profissional nenhum, mesmo que tenha um bom salário e oportunidades de capacitação e desenvolvimento, terá motivação para produzir mais e melhor se a empresa não tiver um bom clima organizacional. Cabe aos gestores cuidar para que o ambiente e as relações de trabalho sejam saudáveis para todos.

Os líderes também precisam viabilizar as condições suficientes para que as equipes produzam. Recursos técnicos e tecnológicos apropriados e espaços físicos seguros são essenciais para o bom desenvolvimento das tarefas diárias. E, não menos importante, os gestores que querem equipes mais produtivas precisam “chegar junto”.

Isso quer dizer ter disposição para conduzir, orientar, monitorar e corrigir quando for necessário. Não adianta ser apenas um gestor que apaga incêndios. Quando o acompanhamento é constante e feito de perto, as equipes se tornarão mais seguras, produzindo cada vez mais e melhor.

Comentários

Deixe o seu comentário