Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

Omitir pequenos erros pode trazer sérias consequências

Publicado por:
05 set

03.101

Quem nunca errou no ambiente de trabalho? Falhar em algum procedimento, enviar um e-mail com informações importantes para o destinatário errado ou causar algum mal-entendido com os colegas, por exemplo, são alguns eventos que, infelizmente, podem ocorrer. É natural errar, porém, minimizar ou omitir o erro pode transformar uma falha comum em um problema maior.

Alguns profissionais, quando cometem pequenos deslizes, optam por não compartilhar com o gestor ou mentir sobre o ocorrido, seja por medo de uma reação negativa que vá gerar alguma punição ou simplesmente por acharem que darão “conta do recado” e que a situação será resolvida sem maiores consequências. O problema pode até ser sanado sem que o chefe fique sabendo, entretanto, em algum momento o caso pode acabar vindo à tona e isto pode não “pegar bem”.

Como o gestor é quem responde pelos atos da sua equipe, é muito importante que ele seja comunicado o mais rápido possível para que possa estar preparado caso seja questionado sobre o que aconteceu ou precise intervir para contornar a situação. E mais, o episódio precisa ser relatado com detalhes desde o seu início até o ponto em que a questão se encontra.

A omissão ou o não compartilhamento de alguma situação pode acabar gerando um grande incômodo e estremecendo os laços de confiança da empresa com o profissional. Em resumo, esconder ou não falar de um erro nunca deve ser uma opção. É melhor ser sempre o mais transparente possível, mesmo que no fim das contas a falha não seja tão significante ou, ao contrário, as consequências podem ser muito ruins.

Comentários

Deixe o seu comentário