Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + B ir para a busca Alt + Shift + F ir para o rodapé

As diversas gerações no ambiente de trabalho

Publicado por:
15 jul

7.4estagio 1

Pela primeira vez na história temos quatro gerações trabalhando juntas: os veteranos, os baby boomers, os X e os Y. Nas empresas, isso implica em pessoas de diferentes idades e costumes vivendo em um mesmo ambiente de trabalho, trocando experiências e gerenciando conflitos em períodos cada vez menores. Mas como esses profissionais com tantos anos de diferença podem conviver, se entender e trabalhar juntos?

Esta realidade requer mais habilidade dos gestores em lidar com as diferenças e aproveitar o melhor que cada geração pode trazer. Atrelar a experiência ao dinamismo é fundamental para as organizações e muito rico para os profissionais, que precisam estar atentos aos efeitos desse contexto.

Os mais velhos, veteranos (nascidos entre as décadas de 1920 e 1940) e baby boomers (nascidos após a 2ª Guerra), precisam entender as mudanças nos paradigmas do mercado de trabalho, como a menor fidelidade dos profissionais às organizações, a concorrência mais acirrada e as exigências para os gestores liderarem equipes heterogêneas.

Já os mais jovens precisam aceitar a experiência dos outros como uma vantagem competitiva e estar sempre abertos a aprender, a lidar com as diferenças, compreender a complexidade das relações e conviver com diferentes referenciais.

Com relação às empresas, a valorização da diversidade e a boa gestão da equipe são fundamentais como diferencial no contexto atual.

Comentários

Deixe o seu comentário